curriculum artístico

exposições individuais

2018

  • Ao redor – Galeria Alfinete, Brasília.

2017

  • Tempo Paisagem – Curadoria: Cristiana Tejo – Galerias Piccola 1 e 2 – Caixa Cultural Brasília.

2016

  • Sobre cumes – Galeria Alfinete, Brasília.

2011

  • Entre duas paisagens – Souvenir-Brasília – Curadoria: Graça Ramos, Galeria Paradigma, Barcelona.

2007

  • Paysage: entre le vu et l’invu – Centre Saint-Charles, Paris.

2000

  • Cata-vento – Campus universitário Darcy Ribeiro – Universidade de Brasília.

1997

  • Observações deslocadas – Ações efêmeras em vários países da América Latina.

exposições coletivas

2018

  • Brasília Extemporânea – Curadoria: Ana Avelar – Casa Niemeyer /Casa da Cultura da América Latina, Brasília.
  • Exposição EmMeio#10 – Curadoria Tânia Fraga – Museu Nacional, Brasília.

2017

  • À Vista, paisagem em contorno – Curadoria: Marília Panitz, Prêmio Atos Visuais – FUNARTE, Brasília.
  • Eu estou possuído, experiência 6: – Curadoria de Márcio Tavares, Galeria LABARTE – Labroratório para experimentações artísticas, Porto Alegre. Imaginar o real. Curadoria: Suzete Venturelli, Museu Nacional, Brasília.

2016

  • Onde anda a onda II – Curadoria: Dalton Camargos e Wagner Barja – Museu Nacional, Brasília.
  • Ilha – Curadoria: Grupo vaga-mundo: poéticas nômades – Centro Cultural Elefante, Brasília.
  • Vértice – Coleção Sérgio Carvalho. Curadoria: Marília Panitz, Polyanna Morgana e Marisa Mokarzel – Centro Cultural Correios São Paulo.

2015

2014

  • Grand-Tour – Curadoria: Grupo vaga-mundo: poéticas nômades, Alfinete Galeria, Brasília.
  • Projeto Lacuna – Mostra de Videoarte – Galeria Alfinete, Brasília.

2013

  • Triangulações – Curadoria: Marília Panitz e Alejandra Hernández Muñoz – Museu da República – Brasilia.
  • Triangulações – Curadoria: Marília Panitz e Alejandra Hernández Muñoz – MAMAM – Recife.
  • Triangulações – Curadoria: Marília Panitz e Alejandra Hernández Muñoz – Museu Carlos Costa Pinto e Galeria Paulo Darzé, Salvador.

2012

  • ser, paisagem – Curadoria: Graça Ramos e Karina Dias. Prêmio de Arte Contemporânea Atos Visuais 2012 – Galeria Fayga Ostrower, Brasília.
  • 1 Festival Land Art Brasília – Curadoria: Patrícia Bagniewski e Renato Acha – Centro Cultural Banco do Brasil Brasília e Jardim Botânico Brasília.
  • Aberto Brasília – Intervenções Urbanas. Curadoria: Wagner Barja – Centro Cultural Banco do Brasil Brasília.

2010

  • Brasília, Síntese das Artes – Curadoria: Denise Mattar – CCBB, Brasília.
  • Tékine – Curadoria Denise Mattar e Christine Mello – FAAP, São Paulo.
  • Cine Lage – O filme como ensaio. Curadoria: Tânia Rivera – Escola de Artes Visuais do Parque Lage, Rio de Janeiro.
  • Aos ventos que virão… Brasília (1960-2010) – Curadoria: Fernando Cocchiarale – Espaço Cultural ECCO.

2009

  • Capital Digital: arte, ciência e tecnologia – Estação, ciência, arte e cultura Cabo Branco, João Pessoa.
  • Espaço/tempo – Curadoria: Átila Regiani – Espaço Piloto, UnB.
  • SOBRECIDADE – I Mostra de Brasília de Vídeos de Intervenção Urbana. Curadoria: Rodrigo Paglieri – Museu da República, Brasília.
  • Moradas do íntimo – Org: Gê Orthof e Karina Dias – Espaço Cultural Marcantonio Vilaça, Brasília.

2008

  • OBRANOME II – Curadoria: Wagner Barja. Museu Nacional do Conjunto Cultural da República, Brasília.
  • VI Território da Arte de Araraquara – Artista convidada – Araraquara, São Paulo.

2007

  • Eloge des différences – Curadoria: Nathalie Reymond – Galerie Du Crous-Beaux Arts, Paris.

2006

  • Déplacements – Curadoria: Nathalie Reymond – Galerie Du Crous-Beaux Arts, Paris.
  • Group Platteform – Galerie Kamchatka, Paris.
  • Group Platteform – Institut Français, Dusseldorf.
  • Group Platteform – Espace Mange-disque, Paris.
  • Festival Vidéoforme – Seleção oficial da videoteca Ephémère – Clermont-Ferrand, França.

2005

  • Points de vue, points de contact – Curadoria: Nathalie ReymondvGalerie Du Crous-Beaux Arts, Paris, França.

2004

  • Passage – Curadoria: Nathalie Reymond. Salle Michel Journiac – Fontenay-aux-Roses, França.
  • Passage – Curadoria: Nathalie Reymond – Sichuan Fine Arts Institute, China.

2003

  • ArtFrankfurt – Messe Frankfurt, Alemanha.
  • Vice-Versa: Eixo Brasília/Linha Imaginária – Espaço Cultural Contemporâneo Venâncio – ECCO, Brasília. Curadoria: Karla Osório e Tereza de Arruda.
  • Projeto Prima Obra – FUNARTE – Galeria Fayga Ostrower, Brasília.

2002

  • Grupo Entorno – Intervenção Urbana – Brasília.
  • Arte Contemporânea Brasília – Curadoria: Graça Ramos e Evandro Salles – Galeria Arte Futura e Co., Brasília.

2001

  • Arte ponto cômico – Curadoria: Wagner Barja – Espaço Cultural Renato Russo (508 sul), Brasília.
  • Mostra Jovem Arte Contemporânea – Curadoria: Graça Ramos e Evandro Salles – Galeria Arte Futura e Co., Brasília.
  • Rumos Visuais Itaú – Artista mapeada.

2000

  • Relato Delinqüente – Campus Universitário Darcy Ribeiro – Universidade de Brasília.
  • Territórios – em parceria com Eliane – Espaço Cultural Renato Russo (508 sul), Brasília.

1999

  • Luminautas – Curadoria: Anna Barros – Biblioteca Central da Universidade de Brasília.

prêmios:

2015

  • Primeiro lugar – Transborda Brasília – Prêmio de Arte Contemporânea.
  • Prêmio FUNARTE de Arte Contemporânea Atos Visuais.
  • Programa de Estímulo às Artes Visuais – FUNARTE – Revista sobre artes visuais.

2012

  • Prêmio FUNARTE de Arte Contemporânea Atos Visuais.

2011

  • Artista indicada ao Prêmio Pipa.

2003

  • Prêmio Prima Obra – FUNARTE.

bolsas de estudos

2009/2010

  • Bolsa Pós-Doutorado Júnior – CNPq.

2003/2007

  • Bolsa CAPES Doutorado pleno no exterior.

1998/2000

  • Bolsa CAPES Mestrado no país.

1993

  • Bolsa CNPQ/PIBIC.

curadorias realizadas:

2018

  • Oceânicas – Ateliê-Grupo Bordelando – Brasília.

2015

Camarim – Ateliê-Grupo Bordelando – Brasília.

2013

  • Linha-tênue – Espaço Piloto – UnB, Brasília.

2012

  • Ser-paisagem (em parceria com Graça Ramos) – Galeria Fayga Ostrower – FUNARTE Brasília – Canteiro, Espaço Cultural Aliança Francesa, Brasília.

2011

  • (A)notações-paisagem – Espaço Marcoantonio Vilaça – TCU, Brasília.

2009

  • Moradas do íntimo (em parceria com Gê Orthof) – Espaço Marcoantonio Vilaça – TCU, Brasília.

2008

  • Idas e vindas – Espaço Cultural Renato Russo – Galeria Rubem Valentim, Brasília.